Start Planning
Implantação da República

Implantação da República 2019 e 2020

O Dia da República, mais conhecido por “Dia da Implantação da República” é um feriado nacional português que se realiza no dia 5 de outubro para comemorar o fim da monarquia e a instituição da república em Portugal, nessa data, em 1910.

AnoDataDiaFeriados
20195 de outubroSábadoImplantação da República
20205 de outubroSegunda-feiraImplantação da República

A Casa de Bragança, que governou o país desde que Afonso Henriques se tornou o primeiro rei de Portugal, em 1139, abriu o caminho para a república. Contudo, a república durou apenas 16 anos, que viram passar nove presidentes, tumultos, opressão, assassinatos e uma situação constante de anarquia iminente. Apesar do estilo republicano e democrático do governo estabelecido pela constituição de 1911, a experiência republicana terminou com um golpe em 1926.

Em 1933, a ditadura de António Salazar foi instalada sobre as ruínas da república, e ele ficou no poder até 1974. A luta fracassada de Portugal para manter as suas colónias em Africa nos anos 60 e 70 conduziu à sua morte, depois de a luta terminar em humilhação e derrota. Em 1974, um golpe pacífico chamado “a Revolução dos Cravos” derrubou a ditadura, libertou as colónias rebeldes e restabeleceu o regime democrático, realizando-se novas eleições em 1976.

Em 2011, o Dia da Implantação da República e três outros feriados foram eliminados do calendário devido às “medidas de austeridade da UE”, mas foram restituídos em janeiro de 2016, devido à agitação popular.

Na verdade, não existe nenhum evento ou tradição comumente mantido pelo povo português no dia da República, com exceção de alguns atos oficiais cerimoniais realizados pelo governo, mas ainda há coisas relevantes a fazer em Portugal nesta época do ano:

  • Visitar qualquer um das dezenas de palácios antigos, dos tempos da monarquia. Mencionamos apenas três: o Palácio Pimenta, de meados do século XVIII, que também abriga o Museu da Cidade de Lisboa; o Palácio da Pena, em Sintra (perto de Lisboa), que é um verdadeiro castelo no topo de uma colina e uma das “Sete Maravilhas de Portugal”; e o Palácio dos Duques de Bragança, situado no norte de Portugal, na cidade de Guimarães.
  • Visitar o Museu Militar do Porto, na cidade do Porto, a norte de Lisboa, na costa. Contém equipamentos militares de diferentes épocas em exibição, do século XV ao século XX, e existe lá uma sala especial mostrando a revolução de 1891, que foi a primeira tentativa para estabelecer uma república portuguesa. Mas a principal atração é a enorme exibição de 16 000 soldados em miniatura que conta a história militar de Portugal de forma gráfica e artística.
  • Se ficar em Portugal até ao dia 13 de outubro, esse é o dia da peregrinação ao Santuário de Nossa Senhora de Fátima, na cidade portuguesa de Fátima. No entanto, o santuário está aberto aos visitantes durante todo o ano. É um dos santuários marianos mais conhecidos do mundo, construído num local onde três crianças pastoras afirmam que apareceu Maria e lhes falou, em 1917, durante os dias sombrios da primeira república mal-intencionada e da Primeira Guerra Mundial. A basílica é muito grande e imponente, e existe uma Capela das Aparições no local da alegada aparição. Existem também as estações da cruz, uma igreja de paróquia e estátuas das três crianças.

Aqueles que se encontram em Portugal no Dia da Implantação da República vão notar que são poucos os portugueses que celebram esta data, mas vão também encontrar muitas paragens turísticas interessantes que relatam a história e as épocas que ela representa.

Accept